Feira reúne micro e pequenas empresas na Praça do Papa

26 a 29 de agosto, na Praça do Papa, Vitória – ES

Durante os quatro dias do evento representantes das dez regiões turísticas estarão apresentando todo potencial do Espírito Santo. Em mais uma ação que tem a finalidade de contribuir com a retomada da economia, voltada às micro e pequenas empresas, o Governo do Estado, por meio da Agência de Desenvolvimento das Micro e Pequenas Empresas e do Empreendedorismo do Estado (Aderes), vai reunir pequenos negócios em uma feira realizada para o setor.

Trata-se da Feira das Micro e Pequenas Empresas (Femipe), que acontece de 26 a 29 de agosto, na Praça do Papa, em Vitória. O evento é gratuito e traz uma proposta de ser referência no quesito funcionamento, principalmente quando se trata dos protocolos de segurança de combate à propagação do novo Coronavírus (Covid-19), durante e pós-pandemia. O objetivo é oferecer um ambiente seguro tanto para o consumidor quanto para os integrantes do negócio.

De acordo com o diretor técnico da Aderes, Hugo Tofoli, a Femipe vai juntar em um só lugar empresas de serviço e varejo e o propósito é ser modelo para os segmentos. “A feira vai reunir pequenos negócios dos setores de turismo, eventos sociais, academias, lojistas, bares e restaurantes, com a finalidade de promover novas experiências para o consumidor. Para isso, vamos contar com uma grande academia, um cerimonial e um grande restaurante. Vamos mostrar o funcionamento desses negócios de acordo com as regras de segurança sanitária”, informou.

Já o diretor-presidente da Aderes, Alberto Farias Gavini Filho, disse que a Femipe é mais uma atividade que visa a retomada da economia para os pequenos negócios dentro do alinhamento proposto pelo Governo do Estado, que é de cuidar dos grandes, mas também dos pequenos negócios.

“Vamos apresentar para a sociedade a segurança das atividades seguindo os protocolos sanitários. É possível frequentar e apoiar esses empreendedores neste momento de retomada da economia. Vamos mostrar como eles estão se preparados isso”,

Gavini Filho disse ainda que a Femipe é fruto de uma parceria da Aderes, Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae-ES), Confederação Nacional das Micro e Pequenas Empresas e Empreendedores Individuais (Conampe), Federação das Associações de Microempresas, Empresas de Pequeno Porte e dos Empreendedores Individuais do Espírito Santo (Femicro).

O superintendente do Sebrae-ES, Pedro Rigo, contou que o objetivo do evento é mostrar para a população que é possível voltar a frequentar determinados ambientes que respeitam os protocolos de prevenção à Covid-19. “Vamos apresentar aos empreendedores maneiras de promover as atividades, garantindo a segurança dos clientes e funcionários", destaca o superintendente do Sebrae-ES.